Abiquim 50 anos

Notícias

Sustentabilidade e reciclagem na indústria: Tendências para 2020

17/02/2020

Sustentabilidade e reciclagem na indústria: Tendências para 2020

O Google recebe uma média de 165.000 buscas mensais pelas palavras “sustentabilidade” e “reciclagem”. As pesquisas contabilizam cerca de 65.000 resultados, entre artigos, materiais, notícias, campanhas, petições e divulgação de novos projetos. Esse número é resultado de novos valores, novas prioridades e a conscientização de que precisamos mudar hoje para transformar o nosso futuro!

A resposta pelo consumo acelerado de recursos naturais e a falta de um desenvolvimento social ambientalmente correto já está atingindo milhões de pessoas, animais e regiões inteiras. Mas nós acreditamos que 2020 pode ser um novo começo de era, com gente comprometida, consciente e que não fica à espera, com a habilidade de contribuir para a inovação!

Entenda como esse novo modelo de pensamento e comportamento se fortalecerá em 2020, além de como a indústria pretende impulsionar o movimento sustentável na década que se inicia!
 

Sustentabilidade e reciclagem do conceito à prática


Primeiramente, o que engloba a sustentabilidade?

O termo sustentabilidade se refere à relação entre a sociedade e a natureza, propondo um desenvolvimento que “satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazerem suas próprias necessidades”, conforme é descrito pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Para sustentar esse conceito na prática, é necessário o equilíbrio entre três pilares fundamentais, também chamados de Tripé da Sustentabilidade: Social, Ambiental e Econômico.
 

A relação entre sustentabilidade e reciclagem

A reciclagem influencia em cada um dos pilares da sustentabilidade, agregando benefícios não só para a sustentabilidade ambiental, mas também para o bem-estar social e o desenvolvimento econômico.

Isso porque reciclar é o principal caminho para pouparmos matérias-primas, água e energia, bem como reduzirmos a poluição e a geração de resíduos, viabilizando a prática de uma economia circular.

Além disso, a reciclagem ainda possibilita a diminuição dos gastos com a limpeza urbana, incentivando a coleta seletiva e gerando renda pela comercialização dos materiais recicláveis.

 

A sustentabilidade e reciclagem como diretrizes da indústria em 2020


Existe um crescente movimento no setor público e privado para atender à exigência de processos, produtos e ciclos produtivos mais sustentáveis. Entenda quais são as perspectivas e demandas que devem direcionar o mercado em 2020!


Revisão dos processos industriais

Desde 2015, todos os países membros das Nações Unidas adotaram uma agenda que estabelece metas para o desenvolvimento sustentável até 2030. Entre as principais metas está a industrialização inclusiva e sustentável, o que compreende o emprego da inovação e da tecnologia em ciclos produtivos rentáveis, capazes de contribuir com a geração de empregos e minimizar os impactos no meio ambiente.

De acordo com o relatório comparativo sobre o avanço dos indicadores, publicado pela organização em 2019, o nível de emissões de CO² pelas indústrias está em declínio desde 2010, ao mesmo passo que o setor traz ganhos significativos do ponto de vista econômico, ambiental e social.

No entanto, o relatório ressalta que o mundo ainda tem um longo caminho a percorrer para aproveitar todo o potencial de uma produção sustentável, demandando maiores investimentos em pesquisa científica e inovação para a próxima década.
 

Aumento do uso de materiais sustentáveis

A principal mudança necessária para processos produtivos sustentáveis é a transformação da cadeia de suprimentos. O consumo consciente dos recursos finitos é determinante para o futuro do planeta e, portanto, é o que deve moldar o futuro do mercado.

Nesse caminho, os recicláveis são uma importante oportunidade para a redução dos impactos ambientais e da geração de resíduos em todos os segmentos. Além disso, reaproveitar materiais que podem ser reciclados e transformados em novos produtos agrega benefícios tanto para a produção industrial como para a economia.

O EPS Isopor®, por exemplo, quando descartado corretamente, pode ser reutilizado como matéria-prima na produção de novos produtos plásticos, colas, solventes, solas de sapato, além de uma série de aplicações no artesanato e na reciclagem domiciliar!
 

Ampliação das fontes de energia renovável

Outra meta estabelecida pela agenda de desenvolvimento sustentável da ONU, o aumento de fontes de energia limpa também é uma tendência no segmento industrial.

Além de maiores investimentos em energia eólica e solar, por exemplo, as pesquisas e tecnologias do setor também viabilizam a produção de energia a partir da reciclagem de materiais, em especial o plástico. Por exemplo, você sabia que o EPS Isopor® reciclado pode ser aplicado na geração de energia elétrica térmica? Pois é! Essa é uma evolução significativa para a forma como lidamos com nossos resíduos, unindo duas oportunidades em um único processo!

Aliada a esse avanço, a capacidade de armazenamento de energia também vem sendo aproveitada como uma forma de reduzir cargas de pico na demanda de processos produtivos, vista como um passo essencial para a sustentabilidade e eficiência energética.
 

Investimento na reciclagem de plásticos

Flexibilidade, resistência, durabilidade e higiene são apenas algumas características que tornaram o plástico um material indispensável em nossa rotina, presente nas embalagens de alimentos e bebidas, no transporte de medicamentos e vacinas, bem como na fabricação de inúmeros produtos.

No entanto, a poluição plástica, resultante do descarte inadequado, é um problema ambiental urgente e que exige mudanças em todas as esferas. O debate que vem ganhando peso nos últimos anos deve continuar em 2020, especialmente para o setor de embalagens.

Dessa forma, a próxima década promete investimentos em pesquisa e tecnologia para a redução dos plásticos de utilidade única, bem como o aumento dos plásticos recicláveis e biodegradáveis.

O EPS Isopor® é um material aliado a esse desenvolvimento, com um ciclo de vida que integra sustentabilidade e reciclagem. Mais de 34 mil toneladas de EPS são recicladas anualmente, apenas no Brasil. E o compromisso da Knauf Isopor® é garantir que esse número cresça ainda mais em 2020!

Quer saber mais sobre a reciclagem de plásticos? Baixe o eBook exclusivo que desenvolvemos sobre esse processo!

Esse conteúdo foi desenvolvido pelo Blog Mundo Isopor: https://www.mundoisopor.com.br/sustentabilidade/sustentabilidade-e-reciclagem-na-industria-tendencias-para-2020

Ver todas