Abiquim 50 anos

Notícias

DaColheita destaca qualidade da uva produzida no interior de São Paulo

28/01/2020

Primeiro lote de exportação da uva gourmet Pilar Moscato para Hong Kong foi acondicionado nas conservadoras da linha pós-colheita da Termotécnica

Cerimônia de início da safra da uva Pilar Moscato em Pilar do Sul (SP)

A Termotécnica participa de dois eventos de viticultores no interior paulista com as suas soluções de conservação para produtos frescos DaColheita. Como uma das patrocinadoras da 37ª Festa da Uva de Jundiaí, cuja programação vai até dia 2 de fevereiro, a empresa busca apoiar a cultura da uva em São Paulo, que tem um grande potencial e relevância para o estado. Além de patrocinar a Festa da Uva, as conservadoras DaColheita estão presentes na exposição e leilão de frutas premiadas do evento, com seleção das melhores uvas em exposição dos viticultores da região.

Conservadora DaColheita reconhecida no mais importante prêmio mundial de embalagens nas categorias Food e SaveFood

As conservadoras DaColheita valorizam o trabalho dos produtores, do campo à mesa dos consumidores, permitindo que frutas, legumes e verduras (FLV) cheguem mais longe, frescos e com qualidade premium, alcançando mercados importantes no Brasil e internacionalmente. Assim como o relacionamento próximo já de uma década estabelecido com os produtores de frutas premium de Pernambuco e da Bahia, no Vale do São Francisco, agora a Termotécnica estreita parceria com a Cooperativa Agroindustrial APPC, que representa um grupo de produtores rurais de Pilar do Sul (SP). Formada, em sua maioria, por descendentes de imigrantes japoneses –, a APPC tem como foco a produção de frutas diferenciadas e de alto padrão, entre elas uvas, atemoias, tangores (um tipo de tangerina), ameixas, nêsperas, pêssegos e lichias.

O carro-chefe da APPC é a Pilar Moscato, uva gourmet que é marca registrada da Cooperativa. No primeiro lote de exportação desta uva para Hong Kong, realizada agora em janeiro de 2020, as frutas de qualidade premium viajaram acondicionadas nas conservadoras DaColheita.

Viticultor premiado na Festa da Uva de Jundiaí com exposição das frutas em conservadoras DaColheita

Com tecnologia e designs patenteados, as conservadoras da Termotécnica permitem alto isolamento térmico, facilidade no empilhamento e transporte. Nesta verdadeira corrida contra o tempo, do produtor ao consumidor, as soluções DaColheita ampliam em até 30% o shelf-life das frutas mantendo suas propriedades nutricionais e as condições ideais para frutas e hortaliças preservarem sua integridade, qualidade nutricional e frescor por mais tempo.

Ao proteger contra trocas bruscas de temperatura as conservadoras DaColheita contribuem para reduzir podridões e conservar o peso e o aspecto de frescor das frutas. Como consequência, essas características aumentam o valor agregado com a percepção de fruta de qualidade superior. Promovem aumento do giro das mercadorias, o fortalecimento da marca do produtor com identidade visual e associação à qualidade. As soluções DaColheita também abrem um leque de oportunidades para ofertar o produto em outros períodos além da safra.

A parceria entre a Termotécnica e a Cooperativa Agroindustrial APPC foi destacada na 2ª Cerimônia de Início de Safra da Uva Pilar Moscato, que ocorreu no último sábado, 25 de janeiro, na Associação Cultural e Desportiva de Pilar do Sul (KAIKAN). A Termotécnica procura crescer constantemente sua atuação no agronegócio e diversificar o portfólio para atender novas culturas de FLV. “Temos um grande ativo de proximidade e reconhecimento da marca DaColheita para FLV junto a toda a cadeia, desde os produtores no campo, o canal de distribuição e o varejo de hortifrútis especializado. Isso nos dá muito potencial para diversificar o atendimento para todas as culturas de produtos frescos”, afirma o coordenador Comercial/Região Sudeste da Termotécnica, Pedro Scatena.


O coordenador Comercial/Região Sudeste da Termotécnica, Pedro Scatena com o cooperado da APPC, responsável pelo Departamento da Uva Pilar Moscato, Daniel Hiroshi Nakano

E o diretor Superintendente da Termotécnica, Nivaldo Fernandes de Oliveira, reforça: “somos reconhecidos pelos agricultores por não apenas fornecer o produto, mas introduzir novas tecnologias e soluções e um novo modelo de negócios para agregar valor à produção de hortifrutis brasileiros. Essa visão de que somos protagonistas no desenvolvimento de ações inovadoras neste mercado com soluções de pós-colheita tem sido extremamente positiva para nossa marca e para a credibilidade do nosso trabalho”.

Esse trabalho inovador da Termotécnica no desenvolvimento de soluções de alto valor agregado foi atestado e reconhecido em 2019 com uma premiação internacional no WorldStar. Concedido pela WPO (World Packaging Organization), o WorldStar é o mais importante prêmio internacional do mercado de embalagens. Concorrendo com mais de 300 soluções de todo o mundo, a conservadora DaColheita para cumbuca de frutas venceu nas categorias Food e Save Food, recebendo reconhecimento prata como solução para o combate ao desperdício de alimentos.
 

Inovação e Tecnologia pela Sustentabilidade


As soluções DaColheita reforçam o compromisso da Termotécnica com a economia circular, desenvolvendo soluções de embalagens inovadoras, ativas e sustentáveis. O EPS é um material 100% reciclável formado por 98% de ar, não utiliza CFC e HCFC e por isso não gera danos à camada de ozônio. Por ser inerte, não prolifera fungos e bactérias. O seu processo requer baixíssima utilização de recursos naturais como água e energia, não contamina e não gera riscos à saúde e ao meio ambiente.

Desde 2007, a Termotécnica realiza o Programa Reciclar EPS, com logística reversa e reciclagem do material em todo o Brasil. Já são mais de 40 mil toneladas de EPS pós-consumo que ganharam um destino mais nobre – ou seja, 1/3 de todo o material consumido no país. Além da parceria próxima com os produtores e agentes de toda a cadeia logística, a Termotécnica amplia também o trabalho com os varejistas para aderirem ao Reciclar EPS e disponibilizarem ao consumidor final pontos de recolhimento para reciclagem deste material.

O desenvolvimento sustentável está entre as prioridades da Termotécnica, e suas ações são conectadas aos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) da ONU. Com as soluções pós-colheita a companhia contribui diretamente com o ODS 12 – Consumo e Produção Responsáveis –, cujo objetivo é, até 2030, cortar pela metade o desperdício de alimentos per capita mundial, nos níveis de varejo e do consumidor, e reduzir as perdas de alimentos ao longo das cadeias de produção e abastecimento.
 

Sobre a Termotécnica


Aos 58 anos, a Termotécnica é uma das maiores indústrias transformadoras de EPS da América Latina e uma das empresas mais sustentáveis do Brasil, de acordo com o Guia Exame 2019. Empreendedora, produz desde soluções para Embalagens e Componentes, Conservação, Agronegócios, Cadeia de Frio, Movimentação de Cargas até itens para Construção Civil. Com matriz em Joinville (SC), possui unidades produtivas e de reciclagem em Manaus (AM), Petrolina (PE), Rio Claro (SP), São José dos Pinhais (PR) e Pirabeiraba (SC).

Ver todas