Abiquim 50 anos

Notícias

Fruit Attraction Madrid, Feira K Düsseldorf, benchmarking na Itália e missão à Israel

29/10/2019

 

Termotécnica faz balanço positivo da participação em eventos internacionais para prospectar mercados, ampliar contatos e trazer conceitos de inovação a serem aplicados em soluções em EPS

Pela terceira vez participando como expositora da Fruit Attraction, em Madrid, Espanha, de 22 a 24 de outubro, a Termotécnica reforçou os diferenciais da marca DaColheita no mercado europeu.  As soluções DaColheita estão obtendo grande aceitação no mercado de agrobusiness por valorizar a fruta brasileira permitindo atender mercados mais distantes mantendo a qualidade por mais tempo.  

O diretor Superintendente da Termotécnica, Nivaldo Fernandes de Oliveira, define o posicionamento da linha DaColheita como um grande “companheiro de viagens” para as frutas cultivadas pelos produtores brasileiros chegarem em perfeito estado aos mercados exigentes como o europeu. “Ou seja, as nossas soluções pós-colheita garantem que depois que os produtores colham as frutas, elas sejam acondicionadas, transportadas, entregues e expostas aos seus clientes em diversos países com a mesma qualidade e o mesmo cuidado do processo de cultivo e colheita.”

Fazendo uma avaliação da participação na Fruit Attraction Madrid, Nivaldo de Oliveira comemora a grande aceitação e reconhecimento da qualidade das conservadoras DaColheita para várias aplicações em diversas culturas como uva, caju, romã, goiaba e pitaya. A empresa também está sendo requisitada para ampliar soluções de conservação para novas culturas como o avocado e limão. “Com a ampliação do shelf-life e todas as características de eficiência logística, ajudamos os clientes a aumentar a competitividade e, consequentemente, seus volumes de venda e participação nos mercados em todo o mundo”.

Nesta verdadeira corrida contra o tempo, do produtor ao consumidor, as soluções DaColheita ampliam em até 30% o shelf-life das frutas mantendo suas propriedades nutricionais por mais tempo. Com tecnologia e designs patenteados, permitem alto isolamento térmico, facilidade no empilhamento e transporte. Isso representa também dias a mais com a fruta saudável nas gôndolas com muitas vantagens para o varejista.

Certificados por testes em laboratórios europeus (AgroTropical e HDG), esses resultados conferem redução de perdas e desperdício de alimentos, o que torna a linha DaColheita sustentável e adequada para acondicionar as frutas da colheita até o consumidor, reduzir a absorção de impactos no transporte e melhorar a exposição no varejo. E com a premiação WorldStar 2019, um dos mais importantes prêmios do mercado de embalagens, a Termotécnica consolida-se como referência mundial em soluções pós-colheita contribuindo para que frutas, legumes e verduras (FLV)  brasileiros ganhem mais destaque nos mercados internacionais.

A participação da Termotécnica nesta, que é uma das principais feiras mundiais de frutas e produtos frescos, aconteceu por meio de uma missão comercial à Espanha promovida pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, focada no fortalecimento do agronegócio brasileiro nos mercados internacionais.  O pavilhão Brasil foi coordenado pela Abrafrutas (Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados).
 

Missão à Feira K, na Alemanha e benchmarking na Itália


Na semana que antecedeu a feira na Espanha, Nivaldo Fernandes de Oliveira esteve com a diretora de Operações, Regina Zimmermann, e o engenheiro de Processos, Jeferson Kuhnen, conferindo as novidades em materiais e processos na K Messe 2019 Düsseldorf, Alemanha. O maior evento mundial da indústria do plástico teve como tema central nesta edição o poder inovador dos materiais e a Indústria 4.0 em termos de processos de economia de recursos, digitalização, funcionalidade, energias renováveis, economia circular e sustentabilidade.

A Feira K foi um grande fórum para debater questões críticas como resíduos plásticos marinhos, a mentalidade de descarte associada a embalagens plásticas e o uso de recursos finitos para sua produção. “Esta edição foi centrada na Economia Circular. É interessante ver que a Termotécnica está alinhada ao que o mundo está falando em termos de inovação e sustentabilidade. Todas essas questões apresentadas na Feira K já são prioridades da companhia com nossas ações conectadas aos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) da ONU e o  pioneirismo na logística reversa e reciclagem do EPS”, afirma Regina Zimmermann, que também realizou benchmarking em transformadores de EPS e fabricantes de máquinas, na Itália para troca de experiências e levar novas tendências e oportunidades para a Termotécnica.
 

Presidente da Termotécnica integra comitiva à Israel


Albano Schmidt está em Israel para missão corporativa de imersão em ambientes de inovação, promovida pela FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina), entre os dias 25 de outubro e 2 de novembro. Executivos e líderes empresariais do Estado aproveitam a oportunidade de ampliar seus conhecimentos sobre inovação e novas tecnologias e conhecer as melhores práticas de gestão empresarial desenvolvidas em Israel, país conhecido como “Nação Startup”, por ter a maior concentração de startups fora do Vale do Silício. A programação conta com palestras, workshops e visitas técnicas em empresas e instituições que fazem parte do ecossistema de inovação israelense. 

 

Sobre a Termotécnica


Aos 58 anos, a Termotécnica é uma das maiores indústrias transformadoras de EPS da América Latina. Empreendedora, produz desde soluções para Embalagens e Componentes, Conservação, Agronegócios, Cadeia de Frio, Movimentação de Cargas até itens para Construção Civil. O desenvolvimento sustentável está entre suas prioridades, e suas ações são conectadas aos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) da ONU. Desde 2007 é pioneira na logística reversa e reciclagem do EPS. Com matriz em Joinville (SC), possui unidades produtivas e de reciclagem em Manaus (AM), Petrolina (PE), Rio Claro (SP), São José dos Pinhais (PR) e Pirabeiraba (SC).

Ver todas